terça-feira, 30 de julho de 2013

Cineclube Curta Doze e Meia participa da comemoração de aniversário do CCC Recife


Quarta-feira (31) é dia de festa no Centro Cultural Correios, no Recife Antigo! Neste ano de 2013 o espaço completa 04 anos e para comemorar o aniversário apresentará uma programação gratuita, a partir das 15h, com alguns dos projetos que ocupam ou já passaram por sua grade. O Cineclube Curta Doze e Meia, que não poderia ficar de fora dessa, inicia a comemoração realizando uma sessão especial para estudantes do Programa Jovem Aprendiz, do SENAC Recife.

O Curta Doze e Meia iniciou suas atividades em 2010, no período de comemoração de um ano do CCC Recife e tendo como um dos objetivos a maior interação entre o espaço cultural e a comunidade ao redor. De lá para cá o projeto ganhou fôlego e maior visibilidade, o que possibilitou aumentar seu raio de atuação para a comunidade escolar. Com as atividades escolares o Curta Doze e Meia busca incorporar à realidade dos jovens recifenses a discussão acerca do audiovisual e estimular a formação de cineclubes em ambientes educacionais da cidade.

Amanhã, às 15h, cerca de 70 estudantes terão acesso à programação com o tema “Nós Valorizamos as Diferenças!”, que é composta pelos vídeos Criaturas que nasciam em segredo (SP), O resto é silêncio (RJ) e pelos pernambucanos Até onde a vista alcança e Retratos.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Vídeos a serem exibidos:

Criaturas que nasciam em segredo (SP)
Direção: Chico Teixeira
Doc, 21min, 1995

Partindo do universo dos bufões, pessoas marcadas desde a Antigüidade pelo estigma de garantir a diversão dos outros, o documentário retrata a vida de cinco anões que moram na cidade de São Paulo.


O Resto é Silêncio (RJ)
Direção: Paulo Halm
Fic, 23min, 2003

Lucas, adolescente surdo, vive isolado, voltado para livros e poesia. Até o dia em que conhece Clara, também surda. A partir desse encontro, a vida de Lucas mudará completamente. O filme é todo falado em Libras, a língua brasileira de sinais, e interpretado por atores surdos.


Até Onde a Vista Alcança (PE)
Direção: Felipe Peres Calheiros
Doc, 20min, 2007

Em 2005, a partir de uma reunião dos membros da Associação Quilombola do Sambaquim e Riachão do Sambaquim, surgiu a idéia de unir esforços em busca de um sonho coletivo. Um bingo para alugar um ônibus. Uma viagem para alcançar um sonho.


Retratos (PE)
Direção: Leo Tabosa e Rafael Negrão
Doc, 18min, 2010

Retratos conta a história de 06 travestis que desempenham diferentes atividades profissionais desvinculadas da prostituição no Estado de Pernambuco. O vídeo mostra como a vida de cada um deles pode ser tão comum quanto à de qualquer outra pessoa.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Comemoração de 04 anos do CCC Recife
Dia 31 de julho de 2013, às 15h
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações:
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

segunda-feira, 1 de julho de 2013

Sessão adiada semana passada acontece nesta quinta-feira no Centro Cultural Correios

Devido às manifestações e clima tenso que se instaurou em Recife na semana passada, a primeira sessão da Retrospectiva Curta Doze e Meia foi adiada para esta semana. Assim, na próxima quinta-feira (04) serão exibidos os curtas “Acercadacana”, “O Outro Lobisomem”, “Dique”, “A Vida é Curta” e o clipe “Me Chama de Sereia”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o cineasta Adalberto Oliveira. A entrada é gratuita.

O projeto está encerrando mais um ciclo de patrocínio dos Correios e nas exibições da Retrospectiva o público poderá conferir alguns dos melhores vídeos exibidos em temáticas anteriores. As sessões também acontecerão nos dias 11 e 18 de julho e contam com o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura. O Curta Doze e Meia realiza atividades semanais desde julho/2010, todas as quintas-feiras, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, sempre às 12h30


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Filmes a serem exibidos:

Acercadacana 
Direção: Felipe Peres Calheiros
Doc, 2010, 20min

Nos anos 1990, com a valorização do etanol e a expansão do latifúndio canavieiro, 15 mil famílias foram expulsas de seus sítios na zona da mata de Pernambuco. Maria Francisca decidiu resistir.


Me Chama de Sereia 
Artista: Tanga de Sereia
Direção: Alice Gouveia
Clipe, 2008, 06min


O Outro Lobisomem 
Direção: Adelina Pontual
Fic, 2001, 04min

Adaptação do conto homônimo de Gilberto Freyre sobre a lenda de um nobre lobisomem que atormentava as noites do Recife no século XIX.


Dique 
Direção: Adalberto Oliveira
Exp, 2012, 18min

Onde antes era um cenário paradisíaco, surge uma nova paisagem sonora proporcionada pela urbanização desordenada e caótica de uma cidade dormitória.


A Vida é Curta 
Direção: Leo Falcão
Fic, 2008, 20min

Um homem decide ir à cidade grande para reconquistar o amor de sua vida. Mas ele só tem 15 minutos pra isto.


Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Retrospectiva Curta Doze e Meia
Dias 04, 11 e 18 de julho de 2013
Quintas-feiras, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

quinta-feira, 27 de junho de 2013

ATENÇÃO - ADIAMENTO DA SESSÃO DE HOJE

Vivemos um momento ímpar no processo democrático brasileiro. O povo está tomando as ruas por todo o país em busca de melhorias nas mais diversas áreas públicas e em Recife não é diferente. Neste momento o clima na cidade é tenso devido às últimas manifestações ocorridas e, buscando contemplar ao máximo o nosso público, resolvemos transferir a primeira sessão da Retrospectiva Curta Doze e Meia para a próxima quinta-feira (04). Dessa forma, em julho teremos sessões do cineclube nos dias 04, 11 e 18, sempre às 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios, com entrada gratuita. Hoje (27/06) não haverá atividade do cineclube.

Pedimos desculpas pelo transtorno e agradecemos  pela compreensão.

Atenciosamente,


Equipe Cineclube Curta Doze e Meia

terça-feira, 25 de junho de 2013

Curta Doze e Meia promove Retrospectiva de filmes no Centro Cultural Correios

Nesta quinta-feira (27) o Curta Doze e Meia dá início às atividades de Retrospectiva que acontecerão em três sessões, sendo duas delas no mês de julho. O projeto está encerrando mais um ciclo de patrocínio dos Correios e nas exibições o público poderá conferir alguns dos melhores vídeos exibidos nas temáticas anteriores. Na primeira sessão serão exibidos os curtas “Acercadacana”, “O Outro Lobisomem”, “Dique”, “A Vida é Curta” e o clipe “Me Chama de Sereia”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o cineasta Adalberto Oliveira. A entrada é gratuita.

O cineclube realiza atividades semanais desde julho/2010, todas as quintas-feiras, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, sempre às 12h30 e com entrada gratuita. As sessões da Retrospectiva também acontecerão nos dias 04 e 18 de julho e contam com o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Filmes a serem exibidos:

Acercadacana 
Direção: Felipe Peres Calheiros
Doc, 2010, 20min

Nos anos 1990, com a valorização do etanol e a expansão do latifúndio canavieiro, 15 mil famílias foram expulsas de seus sítios na zona da mata de Pernambuco. Maria Francisca decidiu resistir.


Me Chama de Sereia 
Artista: Tanga de Sereia
Direção: Alice Gouveia
Clipe, 2008, 06min


O Outro Lobisomem 
Direção: Adelina Pontual
Fic, 2001, 04min

Adaptação do conto homônimo de Gilberto Freyre sobre a lenda de um nobre lobisomem que atormentava as noites do Recife no século XIX.


Dique
Direção: Adalberto Oliveira
Exp, 2012, 18min

Onde antes era um cenário paradisíaco, surge uma nova paisagem sonora proporcionada pela urbanização desordenada e caótica de uma cidade dormitória.


A Vida é Curta 
Direção: Leo Falcão
Fic, 2008, 20min

Um homem decide ir à cidade grande para reconquistar o amor de sua vida. Mas ele só tem 15 minutos pra isto.


Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Retrospectiva Curta Doze e Meia
Dias 27 de junho e
04 e 18 de julho de 2013
Quintas-feiras, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

quarta-feira, 5 de junho de 2013

Escolha de Filmes - Retrospectiva Curta Doze e Meia - Temática "RUTÍLIO ESTÁ AQUI!"

Querido público,

nas nossas sessões dos meses de junho e julho/2013 vocês escolhem os filmes que serão exibidos! A escolha acontece da seguinte forma:

- Durante uma semana iremos publicar diferentes formulários com as temáticas que vivenciamos de novembro/2012 a maio/2013. Em cada formulário, com temáticas diferentes, vocês poderão escolher até 03 filmes para rever nas próximas sessões do Curta Doze e Meia. Ao final da votação iremos divulgar a programação completa formada com os vídeos mais votados.

Neste momento é a vez de escolher quais curtas iremos rever da temática "RUTÍLIO ESTÁ AQUI!", trabalhada no mês de novembro/2012. Foi uma homenagem a um dos principais profissionais do cinema pernambucano: o ator, produtor e diretor de elenco Rutílio de Oliveira. O artista faleceu em agosto (2012) e nas sessões o público teve acesso a vários vídeos que contaram com a sua participação nas mais diversas áreas.

Rutílio de Oliveira, ou simplesmente Tia Rute, como era carinhosamente chamado entre os amigos, trabalhava com arte desde 1977 e em seu currículo destacam-se, entre outros, “O Baile Perfumado”, “Baixio das Bestas”, “Pedra do Reino (TV Globo)”, “Lula, o filho do Brasil” e “Febre do Rato”.

PARTICIPEM: https://docs.google.com/forms/d/1EH2AzR9pkZr49pcymBL_JvK9H2Y_4PPJoV9-cSGm7WA/viewform



CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

segunda-feira, 3 de junho de 2013

Curta Doze e Meia se despede da temática de horror

Nesta quinta-feira (06) o Curta Doze e Meia se despede da temática “Onde os Vivos não têm Vez” exibindo o longa-metragem de horror “A Noite do Chupacabras”, dirigido por Rodrigo Aragão, e que promete belos banhos de sangue, muitos tiros e um monstro 100% latino-americano. A sessão começa a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

Após esta quinta-feira o projeto encerra mais um ciclo de patrocínio dos Correios e dá início às atividades de Retrospectiva em três quintas-feiras. Nos dias 27 de junho, 04 e 18 de julho, o público poderá conferir alguns dos melhores vídeos exibidos nas temáticas anteriores. A programação completa será divulgada em breve.

O cineclube realiza atividades semanais desde julho/2010, todas as quintas-feiras, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, sempre às 12h30, com entrada gratuita. Até esta próxima sessão conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia


Informações sobre o filme:

A noite do Chupacabras (ES)
Direção: Rodrigo Aragão
Fic, 2011, 95min

A rixa entre duas famílias, Silva e Carvalho, é a distração perfeita para camuflar os ataques do chupacabras. Enquanto os rivais entram em combate, a sinistra criatura lambe o sangue de vítimas sem chance de defesa.


Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Última sessão - “Onde os vivos não têm vez
Dia 06 de junho de 2013
Quinta-feira, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

segunda-feira, 6 de maio de 2013

Curta Doze e Meia exibe filmes de horror no Centro Cultural Correios


Na próxima quinta-feira (09) o Curta Doze e Meia continua exibindo curtas-metragens de horror brasileiro dentro da temática do mês de maio – “Onde os Vivos não têm Vez”. Nesta semana o público poderá conferir os vídeos “Saia do meu quarto”, “Eu, Zumbi – Coisas de Bar ou Passa a Régua e Traz a Conta”, “Supermercado” e “Ninjas”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o curador Queops Negronski. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Filmes a serem exibidos:

Saia do meu Quarto (SP)
Direção: André Vianco
Fic, 2012, 08min

Um pai, uma mãe e uma filha.


Eu, Zumbi – Coisas de Bar ou Passa a Régua e Traz a Conta (ES)
Direção: Alexander S. Buck
Exp, 2011, 08min

Proximidade com o real em uma realidade absurda. Cotidiano, cinema, violência e zumbi. As disparidades de uma situação inesperada a partir de dois pontos de vista. Uma assumida ficção com proposito de realidade.


Supermercado (RJ)
Direção: Fernando Huck e Eduardo Srur
Exp, 2012, 08min

Um retrato da nossa sociedade. Consumo e insanidade caminham juntos.


Ninjas (SP)
Direção: Dennison Ramalho
Fic, 2010, 25min

Um bom policial não tem medo de bandido e nem de alma penada. Um bom policial namora com a morte. Meu nome é Lúcifer. Tome minha mão.




Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Onde os vivos não têm vez
Dias 02, 09, 16, 23 e 30 de maio de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

terça-feira, 30 de abril de 2013

“Onde os Vivos não têm Vez” é o tema de maio do Curta Doze e Meia


Filmes que assustam, causam risos e espantam poderão ser conferidos na programação do Cineclube Curta Doze e Meia para o mês de maio. A temática “Onde os Vivos não têm Vez” começa na próxima quinta-feira (02) e promete deixar o público imerso à sessão composta pelos curtas “Onde Os Mortos Não Têm Vez – Um Documentário sobre Terror”, “Minha esposa é um Zumbi” e “Velho Mundo”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o curador Queops Negronski. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Filmes a serem exibidos:

Onde Os Mortos Não Têm Vez – Um Documentário sobre Terror (RJ)
Direção: Bernardo d’Ávila, Eduardo Gutherz, Gabriel Fontes
Doc, 2011, 16min

Documentário que aborda o cinema de terror brasileiro através de uma análise desse gênero no mercado cinematográfico nacional.


Minha Esposa é um Zumbi (SP)
Direção: Joel Caetano
Fic, 2006, 24min

Experimento científico transforma a vida de Tonho quando sua esposa morre e retorna como um zumbi. Ele tem que adaptar sua vida cotidiana à mudança de seu cônjuge.


Velho Mundo (SP)
Direção: Armando Fonseca
Fic, 2012, 14min

Uma misteriosa substância é trazida da Europa para o Brasil. Acidentalmente contamina o encanamento do prédio onde mora o casal Laerte e Mônica. As desconhecidas propriedades da substância do Velho Mundo vem à tona quando o casal se encontra numa relação presa-predador.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Onde os vivos não têm vez
Dias 02, 09, 16, 23 e 30 de maio de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

Design Gráfico: Felipe Caroé


terça-feira, 23 de abril de 2013

Curta Doze e Meia exibe longa pernambucano e se despede da temática “Cinema de Estrada”


Na próxima quinta-feira (25) o Curta Doze e Meia se despede da temática de abril – “Cinema de Estrada” – exibindo o longa-metragem pernambucano “Viajo porque preciso, volto porque te amo”, dirigido por Marcelo Gomes e Karim Ainouz. O filme acompanha a história de José Renato, um geólogo que tem como missão atravessar o sertão nordestino para avaliar a possibilidade da construção de um canal e começa a refletir sobre questões pessoais. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Informações sobre o filme:

Viajo porque preciso, volto porque te amo (PE)
Direção: Marcelo Gomes e Karim Ainouz
Fic, 2009, 76min

José Renato (Irandhir Santos) tem 35 anos, é geólogo e foi enviado para realizar uma pesquisa, onde terá que atravessar todo o sertão nordestino. Sua missão é avaliar o possível percurso de um canal que será feito, desviando as águas do único rio caudaloso da região. À medida que a viagem ocorre ele percebe que possui muitas coisas em comum com os lugares por onde passa. Desde o vazio à sensação de abandono, até o isolamento, o que torna a viagem cada vez mais difícil.




Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Cinema de Estrada
Dias 04, 11,18 e 25 de abril de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

terça-feira, 2 de abril de 2013

Curta Doze e Meia embarca no clima estradeiro neste mês de abril

Vídeos que se desenvolvem na estrada, entre animações, dramas, clipes e comédias compõem a programação de abril do Curta Doze e Meia sob o tema “Cinema de Estrada”. As sessões iniciam-se na primeira quinta-feira do mês (04) com exibição dos curtas “Viagem de Ônibus”, “O Último Raio de Sol”, “Km 0” e “Nós”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter:
http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia


        
Vídeos a serem exibidos:

Viagem de Ônibus
(RJ)
Direção: Daniel Schorr
Ani, 1986, 06min

Viagem de uma jovem a caminho do trabalho. Cenas do cotidiano urbano do Rio de Janeiro observadas a partir da janela do ônibus que cruza a cidade misturam-se ao sonho na imaginação da jovem.


O Último Raio de Sol (DF)
Direção: Bruno Torres
Fic, 2004, 22min
   
Dois jovens de classe alta brasiliense viajam à Chapada dos Veadeiros e, no caminho, se divertem ameaçando e humilhando pessoas que pedem carona na estrada. Tratando de temas como impunidade, violência e preconceito, o filme fala de como uma atitude inconseqüente pode resultar num final inesperado. Livre adaptação de uma história verídica.
   

Km 0 (RJ)
Direção: Marcos Guttmann
Fic, 2003, 08min

Um homem, uma mulher e uma estrada. Passado, presente e desejo. Rio de Janeiro, São Paulo ou qualquer lugar.


Nós (PE)
Direção: Henrique Spencer
Fic, 2007, 13min
   
“Para tudo na vida é preciso ter antecipação”. Acordar no meio do mato, sem memória, não era bem o que Nelson esperava naquele dia, mas esse é só o começo de uma noite em que tudo pode acontecer. Um grande jogo onde as emoções darão vez à lógica e perspicácia de cada um. Será que Nelson vai enfim desenrolar os nós da sua vida?




Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia

Cinema de Estrada
Dias 04, 11,18 e 25 de abril de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA
   
Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações:
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com 
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

Arte Gráfica: Felipe Caroé


terça-feira, 26 de março de 2013

Curta Doze e Meia se despede da temática afro


Na próxima quinta-feira (28) o Curta Doze e Meia se despede da temática do mês de março - “Identidades Afro” - exibindo o média-metragem pernambucano “Galo Preto – O Menestrel do Coco”. Após a exibição haverá bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:


 
Informações sobre o filme:

Galo Preto - O Menestrel do Coco (PE)
Direção: Wilson Freire
Doc, 2010, 46min

Mestre Galo Preto é o último representante vivo e ativo da tradição do coco do Quilombo de Rainha Isabel e da tradição de sua família. Com roteiro e pesquisa surpreendentes, cheio de surpresas e informações preciosas, que remontam à história do ritmo musical conhecido como coco e da música popular no país, trazendo à luz, personagens incríveis de seu convívio, este documento audiovisual torna-se uma peça indispensável para o avanço do reconhecimento dos grandes mestres negros e índios das culturas tradicionais. Além de ser um elemento que garante a preservação da memória deste singular artista que fez do coco e da embolada, enfim, da música, sua vida. Aos 75 anos de idade, o Mestre Galo Preto, continua ativo e criativo, dando à cultura que pertence, a perspectiva de continuidade e, é acima de tudo, um patrimônio de todos os brasileiros, merecendo este reconhecimento.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Identidades Afro
Dias 07, 14, 21 e 28 de março de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

domingo, 24 de março de 2013

Registro Fotográfico - Sessão 21/03/2013 - IDENTIDADES AFRO


Exibição dos vídeos A Igreja Evangélica e a Cultura Afro Brasileira”, “Exu come primeiro”, “Rosário do Sertão” e “Igbadu - Cabaça da Criação”. Bate-papo com o diretor Willamy Tenório.

Registro Fotográfico - Sessão 14/03/2013 - IDENTIDADES AFRO


Exibição dos vídeos  “Identidades em Trânsito”, “Alma no Olho” e “Desde Cuba Hasta Pernambuco”. Bate-papo com o cineasta Nilton Pereira.

domingo, 17 de março de 2013

Curta Doze e Meia exibe vídeos pernambucanos com temática afro



Nesta quinta-feira (21) o Curta Doze e Meia apresenta uma programação recheada de curtas pernambucanos relacionados ao tema do mês, “Identidades Afro”. Na sessão, que tem como foco a discussão sobre os principais aspectos da cultura afro, serão exibidos os vídeos “A Igreja Evangélica e a Cultura Afro Brasileira”, “Exu come primeiro”, “Rosário do Sertão” e “Igbadu - Cabaça da Criação”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o diretor Willamy Tenório. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Vídeos a serem exibidos:

A Igreja Evangélica e a Cultura Afro Brasileira (PE)
Direção: Willamy Tenório
Doc, 2010, 15 min

Da transformação do pai de família sem rumo, de volta ao lar e convívio social, as meninas de baixa renda que se transformam em bailarinas de dança Afro, o que há em comum entre Igrejas Evangélicas e Grupos de Cultura Afro. Neste cenário de oposição, vamos conhecer, e desmistificar preconceitos e expor visões distintas de instituições transformadoras, e construtoras de culturas específicas.


Exu Come Primeiro (PE)
Direção: Alice Gouveia
Ani, 2008, 02min

Antes dos trabalhos nos terreiros entrega-se a comida de Exu. Animação realizada para a série “Vamos Comer Pernambuco”.


Rosário do Sertão (PE)
Direção: Márcia Mansur e Hanna Godoy
Doc, 2009, 16min

Sertão Pernambucano, Rio Pajeú. A Confraria do Rosário dos Pretos de Floresta todos os anos coroa reis e rainhas. Em um cenário árido repleto de histórias acompanhamos a celebração e a devoção na festa que acontece desde os tempos da escravidão, todo dia 31 de dezembro.


Igbadu - Cabaça da Criação (PE)
Direção: Carla Lyra
Doc, 2007, 16min

O mito da cabaça - Igbadu - é um elo de ligação da criação artística com as raízes africanas e religiosas. Em Pernambuco, a influência da tradição religiosa na criação musical foi resgatada em três terreiros: Sítio de Pai Adão - o mais antigo de Pernambuco, o Terreiro Ilê Oba Aganju Okoloya - Terreiro de Mãe Amara e a Sociedade Religiosa Africana Santa Bárbara - Nação Xambá e imagens do terreiro Ilê Asè Yemoja Ogúntè.



Serviço:
Cineclube Curta Doze e Meia
Identidades Afro
Dias 07, 14, 21 e 28 de março de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

segunda-feira, 11 de março de 2013

“Identidades Afro” é tema no Curta Doze e Meia deste mês


Na próxima quinta-feira (14) o Curta Doze e Meia dá continuidade à programação do mês de março – “Identidades Afro” – e exibe os curtas “Identidades em Trânsito”, “Alma no Olho” e “Desde Cuba Hasta Pernambuco”. A sessão tem como foco a discussão sobre os principais aspectos da cultura afro-brasileira e após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

 
Vídeos a serem exibidos:

Identidades em Trânsito (CE)
Direção: Daniele Ellery e Márcio Câmara
Doc, 2007, 19min

Trata das experiências de estudantes de Guiné-Bissau e Cabo Verde formados no Brasil. O filme aborda a saída, a chegada, adaptação no Brasil, e o retorno desses estudantes aos seus países de origem.


Alma no Olho (RJ)
Direção: Zózimo Bulbul
Doc, 1974, 12min

Uma reflexão sobre a identidade negra no Brasil, por meio da mímica e da linguagem corporal, focando a origem africana, a colonização europeia e a libertação proporcionada pela identidade cultural.


Desde Cuba Hasta Pernambuco (PE)
Direção: Nilton Pereira
Doc, 2005, 31min

A diversidade musical, as manifestações religiosas de matriz africana em Cuba, suas identidades com Pernambuco.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Identidades Afro
Dias 07, 14, 21 e 28 de março de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: 
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

domingo, 3 de março de 2013

Curta Doze e Meia debate cultura afro durante o mês de março

Inicia-se mais um mês e com ele uma nova temática no Curta Doze e Meia. Nas sessões de março o público poderá conferir vídeos dos mais diversos gêneros cinematográficos e que tem como foco os principais aspectos da cultura afro-brasileira, através do tema “Identidades Afro”. Nesta quinta-feira (07) a programação é composta pelos curtas “Adão ou Somos Todos Filhos da Terra”, “Ojù Onà”, “Carolina” e “A Gira”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter:
http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia

        
Vídeos a serem exibidos:

Adão ou Somos Todos Filhos da Terra (RJ)
Direção: Daniela Thomas, João Moreira Salles, Katia Lund, Walter Salles
Doc, 1999, 08min

Morador da favela de Cantagalo no Rio de janeiro, Adão Xalebaradã é compositor de mais de 500 músicas e nunca foi gravado no Brasil.


Ojù Onà (RJ)
Direção: Clementino Júnior
Doc, 2010, 18min

Memorial da experiência de cineclubistas afro-brasileiros, presentes à 28ª Jornada Nacional de Cineclubes, que tem no uso do cinema uma ferramenta para a formação do olhar, a educação e os movimentos sociais.


Carolina (SP)
Direção: Jeferson De
Doc, 2003, 15min

Brasil. Final dos anos 50. Carolina de Jesus escreve seu diário. Dentro de seu barraco ela denuncia a fome, o preconceito e a miséria. Publicada, torna-se um sucesso editorial, sendo editada em 13 línguas. Apesar do reconhecimento imediato e explosivo, a “exótica” mulher negra e ex-favelada falece pobre. Passadas algumas décadas, as palavras de Carolina continuam a ser uma denúncia contra a miséria em que se encontram milhões de pessoas.


A Gira (PE)
Direção: Kátia Mesel
Videoarte, 2012, 16min

Mostra as diversas manifestações, rituais, toques, maracatus, cavalos marinhos, terreiros, personagens, mestres, brincantes, iaôs, que tão magicamente transmitem emoção, ludicidade e transcendência, elementos basilares desta forte e múltipla cultura afro brasileira.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Identidades Afro
Dias 07, 14, 21 e 28 de março de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA
   
Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações:
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com 
(81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos) / (81) 8964-2101 (Queops Negronski)

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Curta Doze e Meia apresenta última sessão com o tema “O Mundo é Plural!”


Nesta quinta-feira (28) o Curta Doze e Meia se despede do tema “O Mundo é Plural!” exibindo os vídeos “Na sua companhia”, “Irene” e “Garotas da Moda”. Durante todo o mês de fevereiro a temática reuniu curtas que têm como foco a diversidade sexual e como se dá a convivência na sociedade a partir das diferentes orientações. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita. A programação é recomendada para maiores de 16 anos.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Na sua Companhia (SP)
Direção: Marcelo Caetano
Fic, 2011, 21min

A noite e a solidão estão cheias do diabo. Ai chega você e a agridoce vida.


Irene (SP)
Direção: Patrícia Gallucci e Vitor Nascimento
Fic, 2011, 13min

Irene é uma senhora que vive reclusa numa casa de campo. Quando sua neta decide aparecer inesperadamente para uma visita junto com sua amiga, a reclusão de Irene é perturbada e ela começa a reviver sentimentos que pareciam esquecidos.


Garotas da Moda (PE)
Direção: Tuca Siqueira
Doc, 2011, 20min

Que histórias guardaria um lugar considerado por seus personagens “o interior do mundo”? Que personagens nasceriam de parabólicas fincadas sobre as plantações de cana-de-açúcar da Zona da Mata pernambucana? “Garotas da Moda” trata de um sonho para cinco.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
O Mundo é Plural!
Dias 07, 14, 21, 28 de fevereiro de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

Registro Fotográfico - Sessão 21/02/2013 - O MUNDO É PLIRAL!


Exibição dos vídeos “Noite Fria”, “Cuceta – A Cultura Queer de Solange Tô aberta”, “LGBT de Terreiro” e “Para que não me ames”. Bate-papo com o diretor Manuel Saldanha.

segunda-feira, 18 de fevereiro de 2013

Curta Doze e Meia exibe vídeos com temática LGBT nesta quinta-feira


Na próxima quinta-feira (21) o Curta Doze e Meia continua exibindo vídeos que têm como foco a diversidade sexual, reunidos sob o tema “O Mundo é Plural!”. A sessão é composta pelos curtas “Noite Fria”, “Cuceta – A Cultura Queer de Solange Tô aberta”, “LGBT de Terreiro” e “Para que não me ames”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita. A programação é recomendada para maiores de 16 anos.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Noite Fria (SP)
Direção: Felipe C. Adami
Ficção, 2007, 15min

A noite é fria, a madrugada longa. Três jovens dividem uma profissão, um apartamento, uma vida. Até que ponto o amor pode motivar um deles a tomar uma atitude desesperada.


Cuceta – A Cultura Queer de Solange Tô aberta (BA)
Direção: Cláudio Manoel
Doc, 2010, 13min

Webdocumentário focando os bastidores do show, idéias e a filosofia queer do duo Solange tô Aberta. Seriedade, sarcasmo, ironia, anarquia e cultura gay. A defesa do corpo livre, sem formato social. o webdoc intercala entrevistas com trechos do shows. Funk carioca queer!


LGBT de Terreiro (PE)
Direção: Manuel Saldanha
Doc, 20min

Um olhar sobre o candomblé, seus rituais e as relações interpessoais nele existentes.


Para que não me ames (SP)
Direção: Andradina Azevedo e Dida Andrade
Fic, 2008, 18min

Marisco é um homem que nunca disse ‘amo-te’. Na prisão conhece Vivita, um travesti que insiste em sonhar.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
O Mundo é Plural!
Dias 07, 14, 21, 28 de fevereiro de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

Registro Fotográfico - Sessão 07/02/2013 - O MUNDO É PLURAL!


Exibição dos curtas “Ópera Curta”, “”, “Solene Simpatia”, “O Pit Bull”, “Super Heróis do Sexo” e “Artifício e Acaso”. Bate-papo com o diretor Lucas Simões.

domingo, 10 de fevereiro de 2013

Curta Doze e Meia na ressaca da folia


Voltando à normalidade após a folia momesca, o Curta Doze e Meia continua nesta quinta-feira (14) a programação de fevereiro com o tema “O Mundo é Plural”, exibindo vídeos que têm como foco a diversidade sexual. A sessão é composta pelos curtas “Não gosto dos meninos”, “Bailão”, “Amanda e Monick” e após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita. A programação é recomendada para maiores de 16 anos.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Não gosto dos meninos (SP)
Direção: André Matarazzo e Gustavo Ferri
Doc, 2011, 18min

Não Gosto Dos Meninos é um projeto inspirado na campanha internacional “It Gets Better” que reuniu, durante 12 horas, 40 pessoas de backgrounds e histórias de vida completamente distintas com um objetivo comum: se mostrar. É uma iniciativa brilhante e que não acontece isolada, a temática já não é mais tão tabu como já foi, por exemplo: nos anos 90′, existe uma produção considerável de conteúdo desse tipo sendo realizada no Brasil, a fim de desmistificar, descontruir e desestigmatizar a homossexualidade nesse país.


Bailão (SP)
Direção: Marcelo Caetano
Doc, 2009, 17min

Depoimentos dos frequentadores do ABC Bailão, casa noturna que tem como diferencial o fato de ser voltada para o público gay maduro. Eles revelam a satisfação de estar em um local em que todos se veem como iguais.


 Amanda e Monick (PB)
 Direção: André da Costa Pinto
 Doc, 2009, 19min

Um paralelo entre as experiências familiares e profissionais de duas travestis do interior da Paraíba: uma professora e uma prostituta.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
O Mundo é Plural!
Dias 07, 14, 21, 28 de fevereiro de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

Curta Doze e Meia inicia temática com foco na diversidade sexual


Na próxima quinta-feira (07) o Curta Doze e Meia inicia a programação de fevereiro com o tema “O Mundo é Plural!”. Durante todo o mês serão exibidos vídeos que têm como foco a diversidade sexual e como se dá a relação social entre pessoas com diferentes orientações sexuais. Esta primeira sessão é composta pelos curtas “Ópera Curta”, “”, “Solene Simpatia”, “O Piti Bull”, “Super Heróis do Sexo” e “Artifício e Acaso”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita. A programação é recomendada para maiores de 16 anos.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


CONECTE-SE CONOSCO:

Twitter: http://twitter.com/curtadozemeia
Facebook: http://www.facebook.com/CurtaDozeMeia
YouTube: http://www.youtube.com/user/curtadozemeia


Vídeos a serem exibidos:

Ópera Curta (RJ)
Direção: Marcelo Laffitte
Exp, 2004, 12min

Rio de Janeiro, Parada Gay, três personagens se encontram na multidão. O que elas buscam?


(RJ)
Direção: Felipe Sholl
Fic, 2007, 5min

Dois meninos de vinte e poucos anos exploram sua sexualidade em um banheiro público.


Solene Simpatia
Direção: Pedro Dell’orto
Fic, 2011, 10min

Um homem oculta seu desejo de se vestir como mulher. A desconfiança de sua vizinha a seus hábitos misteriosos a leva a vigiar Juan em busca de uma explicação para os estranhos acontecimentos. Enquanto sua vizinha o espia como pode, ele se transforma a cada novo acessório feminino que coloca. Com simpatia, o curta-metragem transpõe a construção de identidades de gênero a partir do vestuário.


O Pit Bull (RJ)
Direção: Allan Nóbrega
Animação, 2008, 1min

Tendo como cenário a praia de Ipanema, uma das mais belas e badaladas o mundo, duas pessoas aparentemente tão diferentes possuem algo em comum!


Super Heróis do Sexo
Direção: Dimas Oliveira Junior
Doc, 2010, 15min

Pois é, esses garotos são símbolo do êxtase e provocam curiosidade na cabecinha de milhares de mulheres mais resguardadas. Elas imaginam mil e uma coisas. Por que será que o homem, o "sexo forte" se submete a isso? O que falta na vida deles? Como é que mulheres, antes apontadas como "perfeitas para o amor", agora fazem sexo por sexo e até pagam pelos momentos de prazer? Como é o programa com esses garotos? Qual é o contratado? Como acontece o sexo pelo sexo entre homens jovens, outros homens e mulheres maduras? O outro lado dos Super-Herois do Sexo neste documentário.


Artifício e Acaso (PE)
Direção: Lucas Simões
Fic, 2011, 06 min

Um casal joga sinuca enquanto outro rapaz tenta escrever. Sedução, fraqueza e traição fazem parte do jogo em que o acaso é o elemento perturbador entre o processo de criação e seus próprios personagens.



Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
O Mundo é Plural!
Dias 07, 14, 21, 28 de fevereiro de 2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

domingo, 3 de fevereiro de 2013


Arte Gráfica: Felipe Caroé

REGISTRO FOTOGRÁFICO - Sessão 31/01/2013 - Personalidades


Exibição dos curtas “Porr Gentileza”, “Calma Monga, Calma!” e “A Vida Plural de Layka”. Bate-papo com os cineastas Neco Tabosa e Petrônio de Lorena.

REGISTRO FOTOGRÁFICO - Sessão 24/01/2013 - Personalidades


Exibição dos curtas “Duralex, sedlex”, “Afeiçoado”, “Como se morre no cinema” e “O presidente dos Estados Unidos”. Bate-papo com a atriz Daniela Câmara.

2ª Oficina de Criação de Flipbooks - 16/01 - REGISTRO FOTOGRÁFICO


Participantes:


Allan Benicci Borges de Souza
Ana Beatriz Costa Vilar
Arthur da Silva Rodrigues de Freitas
Athus Gabriel Codeceira Muniz de Andrade
Ayla Nascimento da Silva
Breno Alencar Gonçalves Filho
Gabriela Maria Melo de Souza
Ira Macedo Teles Maia
Juan Silva de Bem
Maria Clara Barros Ramos
Maria Fernanda Costa Vilar
Mateus Filipe de Lima Bezerra
Mayara Luisa de Lima Bezerra
Micaela Krolls
Nattan Martins Moura de Sousa
Shede Soares Lima
Vitória Furtado Barbalho

domingo, 27 de janeiro de 2013

Curta Doze e Meia se despede do tema “Personalidades”


Na próxima quinta-feira (31) o Curta Doze e Meia se despede da programação de janeiro exibindo alguns dos vídeos que são destaque no cenário audiovisual nacional. O público poderá conferir os curtas “Porr Gentileza”, “Calma Monga, Calma!”, “Cine Zé Sozinho” e “A Vida Plural de Layka”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com os cineastas Neco Tabosa e Petrônio de Lorena. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita. Esta semana, excepcionalmente, a sessão é recomendada para maiores de 18 anos.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Porr Gentileza (RJ)
Direção: Dado Amaral
Doc, 2002, 14min

O filme documenta a experiência do diretor que incorpora seu personagem, o Profeta Gentileza, e sai à rua para interagir com as pessoas. Marcante personagem da cidade do Rio de Janeiro, o Profeta Gentileza atuava no “lado B” da cidade, pregando que “Gentileza gera gentileza”.


Calma Monga, Calma! (PE)
Direção: Petrônio de Lorena
Fic, 2011, 18min

Psicopata misteriosa chama a atenção da polícia e do jornalismo investigativo através de ataques simiescos aos varões da sociedade recifense.


Cine Zé Sozinho (CE)
Direção: Adriano Lima
Doc, 2007, 16min

José Raimundo Cavalcante, o Zé Sozinho, pernambucano de Pajeú das Flores criado em Caririaçu (Ceará), foge de casa aos 12 anos no rumo de Fortaleza, onde começa sua paixão pelo cinema.


A vida plural de Layka (PE)
Direção: Neco Tabosa
Fic, 2012, 15min

No Recife, a rotina de um funcionário metódico intercala-se com uma vida repleta de desventuras sexuais. Fica uma pergunta: aonde sua vida o leva quando você se perde nos detalhes?




Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Personalidades
Dias 03, 10, 17, 24 e 31 de janeiro de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Registro Fotográfico - Sessão 17/01/2013



Exibição dos curtas “Paola” e “Mauro Shampoo – Jogador, cabeleireiro e homem”. Bate-papo com o diretor Leonardo Cunha Lima.

Penúltima sessão com o tema “Personalidades” no Curta Doze e Meia

Nesta quinta-feira (24) o Curta Doze e Meia apresenta a penúltima sessão com o tema “Personalidades” e exibe os vídeos “Duralex, sedlex”, “Afeiçoado”, “Como se morre no cinema” e “O presidente dos Estados Unidos”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o diretor Diogo Luna. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Duralex, sedlex (MG)
Direção: Henrique Silveira, Luciana Tanure e Marília Rocha
Doc, 2001, 13min

Documentário sobre um homem simples – técnico em conserto e manutenção de equipamentos cinematográficos – que reúne em si tradição e modernidade, arte e técnica, autodeterminação e destino.


Afeiçoado (PE)
Direção: Diogo Luna
Clipe, 2010, 04min

O vídeo-performance acompanha um ouvinte entusiasmado da música “Afeiçoado” pelas ruas do centro da cidade, que dança desmedidamente em meio a um fluxo de dia de trabalho comum na cidade.


Como se morre no cinema (RJ)
Direção: Luelane Loiola Corrêa
Doc, 2000, 20min

Memórias do papagaio que participou da filmagem do clássico brasileiro Vidas Secas, em 1962, quando atuou ao lado da cachorra Baleia.


O Presidente dos Estados Unidos (PE)
Direção: Camilo Cavalcante
Fic, 2007, 23min

2003. Pela TV, George Bush declara guerra ao Iraque. No Curado IV, Carlinhos declara guerra à Teresinha. Seria cômico se não fosse trágico.




Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Personalidades
Dias 03, 10, 17, 24 e 31 de janeiro de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

1ª Oficina de Criação de Flipbooks - 15/01 - REGISTRO FOTOGRÁFICO


PARTICIPANTES:

Augusto José dos Santos Júnior
Carlos Eduardo de Lima Monte Filho
Daniel Câmara da Rocha
Gabriel Gaspar Teles de Brito
Kayo Gabriel Rodrigues Lopo da Silva
Lucas Gabriel Coêlho Teixeira
Maria Clara Mendonça Rodrigues
Marília Almeida Ferreira Mota
Mario Glauco de Lima Paula
Mayara dos Santos Peixoto
Moselita Ramos de Lemos
Rodrigo Bezerra e Silva Ferreira
Thiago Neves Torres Andrade

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

“Paola” e “Mauro Shampoo” no Curta Doze e Meia


Neste mês de janeiro o Curta Doze e Meia promove sessões com o tema “Personalidades” e exibe vídeos dos mais diversos gêneros cinematográficos que tem como foco personagens importantes para a construção da nossa memória urbana e cultural. Na programação da próxima quinta-feira (17) estão os vídeos “Paola” e “Mauro Shampoo – Jogador, cabeleireiro e homem”. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o diretor Leonardo Cunha Lima. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Paola (PB)
Direção: Caldas Brandão
Doc, 2004, 18min

José Bento dos Santos é um jovem que vive num povoado rural de 1.800 habitantes, com um dos piores Indicadores de Desenvolvimento Humano (IDH) do Brasil. Lá é conhecido como Paola. Nas palavras da agricultora Sonia, sua vizinha, o que Paola tem de diferente dos outros habitantes da cidade é que “ele só conversa coisa de mulher”.


Mauro Shampoo – jogador, cabeleireiro e homem (PE)
Direção: Leonardo Cunha Lima e Paulo Henrique Fontenelle
Doc, 2006, 22min

Cinebiografia de Mauro Shampoo, ex-jogador de futebol e folclórico cabeleireiro da cidade de Recife. Com apenas um gol marcado em toda carreira, alcançou a fama como atleta-símbolo do Ibis Sport Clube, que entrou para o Guiness Book como “O pior time de futebol do mundo de todos os tempos”.





Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Personalidades
Dias 03, 10, 17, 24 e 31 de janeiro de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Oficinas de Criação de Flipbooks



A oficina de Criação de Flipbooks tem como proposta a produção de livrinhos animados afim de introduzir seus participantes na arte cinematográfica através de noções básicas da animação tradicional. Destina-se a crianças e jovens com faixa etária entre 10 e 14 anos e que tenham alguma curiosidade sobre o assunto. Durante as aulas todos irão produzir um livro-objeto para uma melhor compreensão da realização desta técnica.

Cada oficina destina-se a 15 participantes interessados em conhecer o processo de se fazer uma animação e sua prática, sendo ministradas por uma dupla de orientadores profissionais da área. As oficinas são gratuitas e a inscrição será confirmada no dia 14 de janeiro de 2013, via e-mail.

1ª Oficina: 15/01/2013, das 14h as 18h
2ª Oficina: 16/01/2013, das 14h as 18h


Orientadores: 

Paulo Leonardo Fialho - Graduado em Educação Artística / Artes Plásticas pela UFPE, trabalha como Animador e professor de oficinas.

Clarissa Machado - Formanda em Educação Artística / Artes Plásticas pela UFPE, atua como arte-educadora e videasta.


Local: 
Auditório do Centro Cultural Correios / Av. Marquês de Olinda, 262 –  Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 / (81) 9873-3576          
www.curtadozemeia.blogspot.com


FORMULÁRIO PARA INSCRIÇÃO: https://docs.google.com/spreadsheet/viewform?formkey=dFZmN1hXRXl1LWZ0TVRhZEdkYkdHclE6MQ

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Personagens urbanos na tela do Curta Doze e Meia


Na próxima quinta-feira (10) o Curta Doze e Meia dá continuidade à temática de janeiro – Personalidades – e apresenta uma programação recheada com alguns dos melhores curtas-metragens nacionais. A sessão é composta pelos vídeos “Lurdinha, a vendedora de ilusões”, “Aqui mora uma pessoa feliz”, “Menino aranha”, “O homem da mata” e pelo paraibano “Sweet Karolynne”, que teve sua exibição transferida da semana passada para esta. Após a exibição haverá um bate-papo descontraído com o público presente. As atividades do cineclube ocorrem todas as quintas-feiras, a partir das 12h30, no auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife, com entrada gratuita.

O Curta Doze e Meia conta com o patrocínio dos Correios, através da Lei Federal de Incentivo à Cultura, é uma realização da Arrecife Produções e tem o apoio do Centro Cultural Correios, da Opa!Caroé e da Sambada Comunicação e Cultura.


Vídeos a serem exibidos:

Sweet Karolynne (PB)
Direção: Ana Bárbara Ramos
Doc, 2009, 15min

Karolyne, cujo nome fora inspirado em uma música de Elvis Presley, tem um amigo muito inusitado.


Lurdinha, a vendedora de ilusões (SC)
Direção: Cesar Cavalcanti
Doc, 2007, 26min

Ilha de Santa Catarina, Florianópolis. Lurdinha, uma mulher de aproximadamente 40 anos, vestida elegantemente, vende bilhetes de loteria no centro da cidade. Uma abordagem poética conduzida pelos relatos do cotidiano de Bernardo Soares, um dos heterônimos de Fernando Pessoa, sobre a importância de personagens que poderiam ficar no anonimato, mas que se tornam um elo entre a vida privada e coletiva da população urbana.


Aqui mora uma pessoa feliz (PE)
Direção: Jean Santos
Fic, 2009, 06min

O simples ser feliz!


Menino Aranha (PE)
Direção: Mariana Lacerda
Doc, 2008, 13min

Menino-aranha: uma real lenda urbana contada numa Recife do final da década de 1990.


O Homem da Mata (PE)
Direção: Antônio Carrilho
Fic, 2004, 18min

José Borba da Silva, ator, canavieiro, cantor, pai-de-santo e artista da cultura popular, interpreta Jack, o vingador justiceiro, super-herói defensor dos trabalhadores da Zona da Mata Atlântica do Nordeste do brasil.




Serviço:

Cineclube Curta Doze e Meia
Personalidades
Dias 03, 10, 17, 24 e 31 de janeiro de  2013
Todas as quintas-feiras do mês, às 12h30
ENTRADA GRATUITA

Auditório do Centro Cultural Correios – CCC Recife
Av. Marquês de Olinda, 262 – Bairro do Recife

Informações: (81) 9223-2182 (Ruth Pinho) / (81) 9873-3576 (Amanda Ramos)
curtadozemeia@gmail.com
http://curtadozemeia.blogspot.com

Bate-papo com Daniela Câmara antes da exibição do "Cinema, Aspirinas e Urubus"

A atriz Daniela Câmara bateu um papo com o nosso público sobre a sua participação no longa "Cinema, Aspirinas e Urubus" minutos antes da sessão extra, que aconteceu na última sexta-feira (04). Daniela comentou sobre o processo de preparação da personagem, relação com a equipe e outras curiosidades sobre o filme. Muito bommm!